Quer Trabalhar Fora do Brasil? Veja Quais são os Países Mais Fáceis Para Trabalhar no Exterior!

Trabalhar fora do Brasil surgiu como uma forte opção devido à crise no país.

Na tentativa de te ajudar a ter melhores informações dos países mais fáceis para trabalhar no exterior, montei esse artigo detalhado.

Aqui você também vai encontrar o que é necessário para conseguir uma autorização para trabalhar legalmente nessas nações.

Por isso, fique comigo até o final do artigo e compartilhe-o com seus amigos que queiram trabalhar fora do Brasil.

Países que Você Pode Trabalhar sem uma Proposta de Emprego

Em muitos países você pode trabalhar se tiver uma proposta de emprego e depois de obtido o visto de trabalho.

Se você conhece a minha história, eu e minha esposa moramos por 2 anos em Londres com a empresa pagando o meu visto de trabalho. Hoje, estamos desde Agosto/2015 em Paris, com uma outra empresa pagando meu visto. Portanto, eu sou uma prova viva de que esse artigo não são apenas palavras.

Mas caso você não tenha um visto para trabalhar fora do Brasil, então você tem 5 opções de países:

  1. Austrália
  2. Canadá
  3. Estados Unidos
  4. Irlanda
  5. Nova Zelândia

O que Fazer?

Para conseguir trabalhar em um desses 5 países, os brasileiros precisam se matricular em um curso e entrar com um pedido para obter um visto de estudante.

No caso de Austrália, Irlanda e Nova Zelândia, o curso pode ser apenas um curso de idiomas. Portanto, você não precisa falar inglês fluente para conseguir o visto de estudante.

Em geral, os empregos oferecidos são nas áreas de hospitalidade e serviços, como bares, restaurantes e hotéis.

Essa experiência de estudo e trabalho no exterior encaixa como uma luva no momento atual do país. Como muitos brasileiros estão tendo dificuldade no mercado de trabalho interno, muitos investem em programas de extensão, de mestrado, para que, no retorno ao país, tenham mais possibilidades.

Mas se você gostar da qualidade de vida enquanto morar no exterior, em alguns países existe a possibilidade de entrar com um pedido para obter um visto de trabalho ou de residência e continuarem nesses países mesmo após o período de estudos.

Os mais fáceis para isso são Austrália, Canadá e Nova Zelândia.

Para a Irlanda seria mais difícil conseguir o visto de trabalho devido à concorrência que você terá com países do leste europeu. Como eles não precisam de visto de trabalho e são trabalhadores bem baratos, eles saem em vantagem. Porém, caso sua profissão tenha demanda para trabalhar na Irlanda, vale a pena pesquisar vagas com seu perfil profissional.

Já a dificuldade para trabalhar no Estados Unidos com um visto de trabalho se deve ao limite anual de vistos que o país fornece. Aqui a grande competição é com os indianos bem qualificados e que recebem salários bem baixos.

Os países da Oceania, além de serem mais receptivos, oferecem mais chances para o brasileiro que quer trabalhar fora do Brasil.

O Canadá fornece um sistema de pontos, onde você vai acumulando pontos para poder entrar com um pedido de visto de residência.

Veja abaixo outras informações para trabalhar nesses países.

Saiba mais: Passaporte para a Fluência – Tudo o que Faltava para Você Falar Inglês Fluente em 8 Semanas

Países Mais Fáceis Para Trabalhar Fora do Brasil

Austrália

Para obter um visto de estudante (subclasse 500), que permite trabalhar até 40 horas por quinzena, é necessário apenas ser aceito por uma instituição de ensino, ter mais de 6 anos e adquirir um seguro saúde.

trabalhar-fora-do-Brasil-Australia

Sobre a cidadania australiana, é possível solicitá-la, desde que sejam cumpridos alguns requisitos, como quatro anos de residência no país e fluência em inglês.

Nos dois últimos anos, 1.141 brasileiros conseguiram a cidadania australiana, de acordo com o Departamento de Imigração e Proteção de Fronteiras do Governo da Austrália.

Para mais informações clique aqui.

Canadá

trabalhar-fora-do-Brasil-Canadá

Para ter o direito de trabalhar com um visto de estudante é necessário estar matriculado em um curso que forneça um diploma de nível superior.

Além disso, a carga horária do emprego não pode ultrapassar 20 horas semanais.

Depois de concluir o curso, o estudante tem o direito de continuar trabalhando no país por até três anos.

Após esse tempo, é possível entrar com um pedido de residência permanente. Ele, no entanto, não é automático.

Há alguns anos que o Canadá é o destino preferido dos brasileiros para estudar no exterior. Muitos programas de intercâmbio no Canadá são oferecidos por agências e têm sido bem populares.

Para mais informações sobre estudar e trabalhar no Canadá clique aqui.

Estados Unidos

trabalhar-fora-do-Brasil-Estados-Unidos

Assim como no Canadá, para trabalhar nos Estados Unidos, o estudante precisa estar matriculado em um curso de nível superior (College ou University) e ter recebido um visto de estudante (F1) ou de intercambista (J1). A carga de trabalho também não pode ultrapassar meio período.

Para mais informações clique aqui.

Irlanda

trabalhar-fora-do-Brasil-Irlanda

Estudantes estrangeiros são autorizados a trabalhar na Irlanda meio período durante as aulas e em período integral nas férias.

A Irlanda é um dos países mais procurados por brasileiros. Atualmente, 13.540 cidadãos do Brasil moram lá, constituindo a sexta maior comunidade estrangeira no país europeu.

Muitos brasileiros são atraídos para trabalhar na Irlanda pela simpatia do nosso povo, pela segurança e pela possibilidade de encontrar trabalho em áreas interessantes da economia moderna.

Para mais informações clique aqui.

Nova Zelândia

trabalhar-fora-do-Brasil-Nova-Zelandia

É possível trabalhar na Nova Zelândia por 20 horas por semana com um visto de estudante.

Depois de concluir os estudos, os interessados podem obter um visto de trabalho temporário por um ano.

Se, nesse período, conseguirem uma oferta de emprego relevante para sua formação, poderão entrar com o pedido para um visto de pós-estudos, que vale por até dois anos.

Para conseguir a cidadania neozelandesa é preciso viver no país há cinco anos, ter reputação ilibada e domínio do inglês.

A Nova Zelândia é um país aberto à diversidade de culturas. Profissionais internacionais, com variadas experiências e perspectivas, inclusive os brasileiros, têm contribuído muito com setores importantes, como aqueles diretamente ligados à criatividade e à inovação.

Para mais informações clique aqui.

Outros Posts

Se você estiver mais interessado em trabalhar fora do Brasil, que tal ver as seguintes páginas?

  1. Passaporte para a Fluência – Como Falar Inglês Fluente em 8 Semanas
  2. Como Morar em Portugal
  3. Governo Português cria Acordo e Incentiva Brasileiros a se Mudarem para Portugal
  4. Vagas de Emprego em Portugal para Brasileiros em 2017
  5. Tudo Sobre o Custo de Vida em Portugal e Como Morar em Portugal
  6. Esse Artigo Fará Você Trabalhar no Exterior em 2017!
  7. Tudo Sobre Morar na Austrália – O Guia Definitivo 
  8. Aplicando para o Visto Americano de Trabalho 
  9. Dicas para Trabalhar em Dubai
  10. Países que Oferecem Visto de Trabalho para Brasileiros Fora da sua Profissão
  11. 9 Cidades Americanas que Pagarão para Você Viver Lá

Até o próximo artigo,

Paulo Roberto

Resumo
Data do review
Reviewed Item
Quer Trabalhar Fora do Brasil? Veja Quais são os Países Mais Fáceis Para Trabalhar no Exterior!
Author Rating
51star1star1star1star1star

Comentários

comments

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
error: Conteúdo protegido!