→ Qual é o Custo de Vida no Canadá? Como Morar no Canadá?

O custo de vida no Canadá é alto, mas quando comparado com outras partes do mundo, como a Europa Ocidental, é relativamente mais barato.

Há diferenças significativas no custo de vida no Canadá entre as áreas rurais e grandes cidades como Toronto ou Vancouver, que podem ser muito caros.

Custo de vida no Canadá

O relatório de custo de vida de 2015 da Mercer, que mede o custo comparativo de itens em cada cidade (incluindo habitação, transporte, alimentação, vestuário, bens domésticos e entretenimento) classificou Vancouver em 119, seguido de Toronto (126) e Montreal (140).

Os expatriados acharão que essas cidades são boas de morar como uma boa entrada para trabalhar no exterior (se você quiser saber o processo de como eu consegui minhas 2 vagas de emprego na Europa e como saber as respostas para as principais dúvidas sobre trabalhar no exterior, recomendo assistir esse vídeo até o final)

Isso se deve ao fato de que o Canadá oferece apoio substancial para o custo do seguro de saúde e da educação nas escolas públicas.

É importante notar, no entanto, que há diferenças nos rendimentos entre cidades, províncias e, claro, setores.

Os setores mais bem pagos no Canadá são:

  1. Mineração
  2. Perfuração de petróleo / gás
  3. Trabalhos nos serviços públicos – água, eletricidade e telecomunicações

Por outro lado, os expatriados que trabalham nos setores de alojamento e alimentação, artes, entretenimento e recreação tendem a ter salários mais baixos.

Expats que vivem no Canadá devem esperar gastar aproximadamente 35% a 50% em moradia e nas utilidades, incluindo:

  1. Aluguel (ou uma hipoteca)
  2. Aquecimento
  3. Eletricidade
  4. Telefone
  5. e a água

Sob a lei canadense, se uma pessoa escolher possuir um carro, este deve ser segurado e registrado com o governo provincial.

Além disso,  para detalhar o custo de vida no Canadá, os expatriados gastam cerca de 15% de sua renda em alimentos e cerca de 6% em roupas.

Também vale a pena considerar o impacto do tempo.

Os expatriados que se mudam para o Canadá têm de lidar com os invernos canadenses severos.

A região costeira da Colúmbia Britânica é um pouco mais quente.

Porém a temperatura nas províncias do interior pode bater -40ºC ou mesmo -50ºC.

Este frio severo é acompanhado por pilhas de neve, que pode cobrir o solo por cerca de seis meses do ano em algumas partes do Canadá.

Isso significa que é necessário um maior aquecimento da casa.

Custo da acomodação no Canadá

Os custos de aluguel no Canadá variam em diferentes cidades e regiões.

Os aluguéis mais altos estão em grandes cidades como Vancouver e Toronto.

Expatriados que querem alugar um apartamento fora da cidade pode esperar pagar valores mais baixos.

Por exemplo, um pequeno apartamento em uma das maiores cidades varia de 850 CAD a 1.800 CAD.

Já um apartamento de tamanho semelhante localizado fora do centro da cidade vai custar de 750 CAD a 1.000 CAD.

Aluguel para um apartamento de 3 quartos em uma grande cidade canadense varia entre 1.700 CAD e 2.500 CAD, dependendo da cidade.

No entanto, os expatriados que vivem em um apartamento de tamanho semelhante fora dessas cidades pagam cerca de 1.200 CAD para 1.800 CAD.

Custo dos alimentos e outros itens essenciais – custo de vida no Canadá

Alimentos e bebidas no Canadá não pode ser considerados baratos, embora mais baratos do que nos países da Europa Ocidental.

A comida é um pouco mais cara em comparação com os Estados Unidos.

No entanto, os preços dos alimentos no Canadá têm aumentado nos últimos anos.

Os canadenses comem bastante carne e frango, e menos carne de porco e cordeiro, que são menos disponíveis e mais caros.

Além disso, é fácil obter outras especialidades de carne, como bisão, especialmente em grandes cidades.

Frutas e vegetais frescos estão disponíveis durante todo o ano com preços geralmente mais baratos do que na Europa Ocidental.

O pão canadense é de boa qualidade e gosto, mas um pouco mais caro.

Além disso, os canadenses bebem muito refrigerantes que geralmente são baratos quando comprados em grandes embalagens.

O álcool e os cigarros são caros no Canadá, uma vez que são fortemente tributados.

Canadá tem numerosas grandes cervejarias e vinícolas, e sua cerveja e vinho são populares entre os locais, bem como expatriados.

Roupas e acessórios de lojas de marca são geralmente caros. Porém as roupas tornaram-se mais acessíveis devido ao crescimento:

  1. dos produtos importados chineses
  2. atacado
  3. lojas de fábrica
  4. e uma forte concorrência entre as lojas.

Custo de transporte no Canadá

O Canadá possui um sistema de transporte que inclui mais de:

  1. 1,4 milhão de km de estradas
  2. 10 grandes aeroportos internacionais
  3. 300 aeroportos menores
  4. 72.093km de trilhos ferroviários em funcionamento
  5. Mais de 300 portos e portos comerciais que fornecem acesso aos oceanos Pacífico, Atlântico e Ártico
  6. Tem os Grandes Lagos e a via marítima de São Lourenço.

O transporte público no Canadá é bastante caro, mas as principais cidades canadenses são definitivamente mais baratas do que outras cidades importantes do mundo.

Em média, um bilhete de trânsito local de ida em cidades canadenses custa 3 CAD, e uma passagem mensal custa cerca de 130 CAD. Essa parte do custo de vida no Canadá não é alto comparado com outras cidades do mundo.

Custo da escolaridade e educação no Canadá

Canadá é bem conhecido por ter uma abundância de escolas com alta qualidade e acessíveis que atraem muitos estudantes internacionais.

Os expatriados com crianças pequenas apreciam que o Canadá oferece educação pública gratuita a todos os cidadãos canadenses e residentes permanentes do jardim de infância até completar o ensino médio, que é geralmente com a idade de 18 anos.

Cada província administra seu próprio sistema educacional, de modo que as políticas e os requisitos diferem de uma província para outra.

Os expatriados que não possuem o cartão de residente permanente ou uma autorização de trabalho têm de solicitar uma autorização de estudo para os seus filhos, que seriam posteriormente classificados como estudantes internacionais e teriam de pagar mensalidades, quase tão elevadas quanto nas escolas privadas.

Existem aproximadamente 90 universidades e cerca de 150 faculdades no Canadá. A maioria delas são instituições públicas, operadas e financiadas pelos governos provinciais.

Uma universidade no Canadá se refere a uma instituição de ensino superior pós-secundária de quatro anos.

Já a faculdade é uma escola pós-secundária de dois anos, semelhante a uma universidade júnior ou comunitária.

Taxas universitárias no Canadá são relativamente baratas.

Os estudantes internacionais pagam uma média de 13.600 CAD anualmente.

Custo dos cuidados de saúde no Canadá

Todos os cidadãos canadenses e residentes permanentes são elegíveis para seguro de saúde no Canadá.

O sistema de saúde do país é constituído por planos provinciais e territoriais de seguro de saúde. Eles são financiados por meio de impostos e administrados pelas próprias províncias e territórios.

Os expatriados devem solicitar um cartão de seguro de saúde público de seus governos provinciais ou territoriais o mais rápido possível. Isso faz o custo de vida no Canadá ser mais alto.

O formulário de inscrição pode ser encontrado em um consultório médico, hospital, farmácia ou online.

Depois de aplicar para o seguro de saúde pública, os expatriados pode ter que esperar antes de se tornarem elegíveis para usá-lo.

Estes períodos podem ser cobertos por seguro de saúde privado temporário.

O período oficialmente recomendado para que os expatriados devem comprar cobertura temporária é de três meses.

Aqueles que gostariam de ter acesso aos serviços que não estão cobertos pelo plano de seguro de saúde de sua província ou território podem comprar seguro de saúde privado que normalmente inclui:

  1. Medicamentos prescritos
  2. Custos odontológicos
  3. Salas de hospital privadas
  4. Serviços de ambulância
  5. E óculos de prescrição

Custo de vida no Canadá

Os preços podem variar dependendo do fornecedor do produto e do serviço.

A lista abaixo mostra preços médios para Toronto em junho de 2016.

Accommodation (monthly rent in good area)
Furnished two-bedroom house CAD 3,000
Unfurnished two-bedroom house CAD 2,500
Furnished two-bedroom apartment CAD 1,700
Unfurnished two-bedroom apartment CAD 1,500
Shopping
Milk (1 litre) CAD 2.30
Loaf of white bread CAD 2.75
Chicken breasts (1kg) CAD 13
Rice (1kg) CAD 3.45
Dozen eggs CAD 3.31
Pack of cigarettes (Marlboro) CAD 12
Eating out
Big Mac meal CAD 9
Coca Cola (330ml) CAD 1.90
Cappuccino CAD 3.60
Bottle of beer (local) CAD 6
Three-course meal at mid-range restaurant CAD 70
Utilities (monthly)
Mobile call rate (per minute – mobile to mobile) CAD 0.30
Internet (uncapped ADSL or cable) CAD 54
Basic utilities (per month for small apartment) CAD 130
Hourly rate for domestic worker CAD 20
Transportation
Taxi rate/km CAD 1.75
City centre bus/train fare CAD 3
Petrol (per litre) CAD 1.05

Além do custo de vida no Canadá, como morar no Canadá?

Morar em Calgary

Expatriados indo para Calgary vão descobrir que a cidade é o lar de cerca de mais de um milhão de residentes permanentes e está evoluindo rapidamente para um dos mais importantes centros econômicos do Canadá.  

Aos pés das Montanhas Rochosas, a maior cidade da província de Alberta é muitas vezes descrita como sendo “a mais americana” das cidades canadense.

Ccom seu caráter “cowboy” e políticas sociais relativamente conservadoras, Calgary é uma escolha popular para os expatriados europeus para tirar o máximo proveito do que uma estadia de trabalho na América do Norte tem para oferecer.

Tradicionalmente, a indústria de petróleo de Calgary tem sido a espinha dorsal da economia e contribuiu significativamente para a expansão da cidade.

Enquanto muitos expatriados ainda vão para Calgary para trabalhar neste setor, o mercado de trabalho tem certamente tornado-se mais competitivo.

Os baixos impostos na cidade incentivaram muitas empresas a criarem operações em Calgary. Com isso, os expatriados qualificados são capazes de encontrar oportunidades em diversos campos.

A cidade de Calgary é considerada como faltando alguma da rica história e multiculturalismo de outras cidades canadenses, como Toronto e Vancouver.

A cidade também possui uma indústria de teatro próspera, uma herança de música de banda, e hospeda vários festivais de arte durante todo o ano.

No entanto, a grande atração de viver em Calgary são:

  1. A sua proximidade com as Montanhas Rochosas
  2. As vistas maravilhosas
  3. E as oportunidades de estilo de vida ao ar livre que a gama majestosa tem para oferecer

Custo de vida em Calgary

Morar em Calgary é, por todas as contas, muito mais de um prazer do que uma tarefa árdua.

Embora, os relatórios de expatriados indicam que, nos últimos anos:

  1. A infra-estrutura da cidade tem lutado para acompanhar o seu crescimento incrível
  2. Aumento do congestionamento de tráfego
  3. Falta de habitação a preços acessíveis
  4. E falta de espaço nas escolas

É importante notar, no entanto, que essas preocupações estão sendo tratadas.

Calgary permanece abençoado com outros pontos bem positivos:

  1. Uma taxa de criminalidade extremamente baixa
  2. Sistema de transporte público confiável
  3. Excelente sistema de saúde 
  4. E uma maravilhosa rede de áreas de parques urbanos

Além disso, a rede exclusiva Skyway 15, ou seja, uma rede de passagens construídas a 15 pés acima do solo, liga quase todos os edifícios do centro da cidade a todos os outros.

Isso transforma o centro da cidade de Calgary em um enorme shopping center.

As passagens são aquecidas, o que é uma verdadeira dádiva no inverno. Apesar das temperaturas congelantes do lado de fora, os pedestres podem ir para o trabalho sem a necessidade de um casaco ou botas.

Morar em Montreal

Expatriados que se deslocam a Montreal encontrarão um ambiente diferente no Canadá: um antigo comércio de peles originalmente fundado pelos franceses, tornou-se a segunda maior cidade do país e a maior na província de Quebec.

Montreal se casa com um espírito cultural único com os pilares dos programas de desenvolvimento social do Canadá, como seguro de saúde universal e educação gratuita.

A língua oficial é o francês – mais de 60% dos moradores falam francês em suas casas. Uma grande proporção são realmente imigrantes que se mudaram permanentemente da França.

Montreal é indiscutivelmente mais francófona do que anglófona e este fato é muitas vezes a raiz dos maiores desafios enfrentados pelos expatriados de língua inglesa.

Aqueles que não têm conhecimento da língua podem certamente viver em Montreal e viver bem. Porém as atividades em que participam, o mercado de trabalho e até mesmo encontrar pessoas para interagir serão bem limitados.

No entanto, para imigrar para Montreal e trabalhar legalmente, o processo de solicitação e aprovação de visto leva em consideração a capacidade linguística do candidato.

Ao contrário do resto do Canadá, só é possível obter uma autorização de trabalho ou de residência para o Quebec se eles passarem nos requisitos provinciais.

Por outro lado, aqueles que falam francês vão encontrar-se em uma cidade economicamente estável, gerenciável que foi creditado como tanto a “capital cultural do Canadá” e “Paris sem o jet lag”.

A arquitetura milenária de Vieux-Montreal, uma tradição de jazz e rock de longa data, e inúmeros centros de teatro, música e arte fazem parte do mais poderoso fascínio da metrópole.

Outros pontos de Montreal

Para não mencionar, o aluguel em Montreal é geralmente mais acessível e mais fácil de encontrar do que em cidades canadenses de tamanho comparável, como Toronto e Vancouver.

As empresas internacionais são abundantes na cidade, mas, novamente, as oportunidades de emprego serão limitadas para os candidatos que não conseguem falar francês.

Caso contrário, os expatriados que querem morar em Montreal vão descobrir que um dos elementos mais difíceis de se adaptar são seus invernos frios. O verão pode ser quente, úmido e geralmente agradável, mas de dezembro a março as temperaturas podem pairar bem abaixo de congelamento e neve, granizo, chuva e gelo fazem aparições regulares.

A boa notícia é que o metro subterrâneo da cidade, que foi citado como uma atração em si, é quente e incrivelmente abrangente – ligando até mesmo alguns subúrbios distantes de Montreal, com sua coluna central.

Os expatriados não necessitarão necessariamente ter um carro. Se decidir comprar um carro terá que tratar do tráfego irritante que caracteriza a cidade.

Em geral, os expatriados que se deslocam para Montreal podem levar um pouco de tempo para se instalar. Uma vez que se estabelecem, eles podem seguir uma vida próspera em uma das metrópoles mais interessantes do Canadá.

Morar em Ottawa

Quem quer morar em Ottawa vai encontrar uma cidade com uma rica cultura e patrimonio. A cidade é o lar de uma mistura diversificada de populações étnicas, além do custo de vida no Canadá ser alto.

A cidade é uma das potências econômicas do Canadá e uma cidade na vanguarda dos avanços tecnológicos.

Ottawa é um destino de expatriação popular graças ao seu bom nível de emprego e oportunidades acadêmicas. Também possui uma excelente qualidade de vida e custo de vida razoável.

A cidade é o lar de uma população altamente educada e tem mais engenheiros e cientistas per capita do que qualquer outra cidade canadense.

Embora existam muitas oportunidades para os expatriados com experiência em telecomunicações, tecnologia da informação, ciências da vida e da mídia, aqueles que procuram emprego devem estar cientes de que a concorrência para os empregos em Ottawa é feroz.

Dito isto, é um ótimo lugar para aqueles que procuram prosseguir estudos acadêmicos ou desenvolvimento profissional.

De classe mundial de refeições requintadas para uma série de artes e eventos de entretenimento, Ottawa tem algo para se adequar aos gostos de qualquer expatriados.

Custo de vida em Ottawa

Junto com o custo de vida no Canadá, Ottawa possui uma variedade de opções de vida para atender às necessidades de cada expatriado.

Alugar em Ottawa varia de moradias pitorescas para condomínios arranha-céus e apartamentos localizado em subúrbios frondosos de Ottawa.

Os expatriados se locomoverão em Ottawa de forma simples.

Sua rede de transportes públicos facilita viajar por toda a cidade. Aqueles que gostam de andar de bicicleta ou a pé vão descobrir que a infra-estrutura existe para tornar isso viável.

Ottawa também é um ótimo lugar para expatriados com crianças. A cidade fornece um ambiente seguro, limpo e saudável para criar uma família. Também possui uma excelente variedade de opções públicas e privadas de educação de alta qualidade.

Os expatriados indo morar em Ottawa se beneficiarão de um dos sistemas de saúde mais conceituados do mundo.

Os residentes de Ontário têm a maioria de suas necessidades de sistemas de saúde cobertas pela província.

Os serviços de saúde privados e as instalações de tratamento especializadas estão disponíveis para complementar as instalações públicas.

Morar em Toronto

Quem quer morar em Toronto encontrará esta a mais desenvolvida das cidades canadenses.

Sua população, infra-estrutura, poder econômico, sofisticação arquitetônica e cosmopolitismo é incomparável as outras partes do país.

Os lagos são um dos traços mais distintivos do continente, e muitos turistas vêm para caminhar, nadar e navegar ao longo de suas margens.

Toronto é o maior pólo de trabalho no Canadá e lar de uma série de grandes instituições bancárias.

Os expatriados que procuram oportunidades de emprego no cinema, negócios e finanças, biotecnologia, aeroespacial, mídia e comunicações e as TI vão achar que este é um ótimo lugar para construir sua carreira e ganhar muita experiência.

O centro de Toronto é um dos centros urbanos mais densamente povoados da América do Norte.

Possui algumas das opções de acomodação mais revolucionárias e luxuosas do mundo para expatriados.

O vidro, o metal e o tijolo vermelho competem para ser a cara da cidade.

A torre CN, que foi durante 30 anos e é a mais alta estrutura livre do mundo, pode ser vista de toda a cidade.

Habitantes de Toronto afirmam que a navegação pela torre irá garantir que ficar perdido é quase impossível.

As artes são amplamente comemoradas em Toronto:

  1. Mais de 50 companhias de ballet e dança
  2. 6 companhias da ópera
  3. 2 orquestras da sinfonia
  4. Grande número de teatros
  5. E Shakespeare ao ar livre

Os expatriados rapidamente se tornarão apreciadores das artes caso ainda não sejam.

Custo de vida em Toronto

Toronto também ganhou renome como um destino de compras do mundo.

Muitas lojas locais e boutiques especializadas encontram-se encurraladas entre exclusivas lojas européias e americanas.

Os expatriados com uma autorização de residência poderão tirar proveito do seguro de saúde financiado por impostos do Canadá.

Aqueles que estão no custo de vida no Canadá em um tempo mais curto terão de investir em uma apólice de seguro de saúde privado para cobrir todas as necessidades médicas durante a sua estadia em Toronto.

Independentemente da sua posição, porém, expatriados podem ter certeza de que os médicos em Toronto são altamente qualificados e facillities de saúde são avançados.

Toronto tem um sistema de transporte público altamente eficiente.

Quase todas as áreas e subúrbios de Toronto tem acesso a ônibus, trens e um sistema bastante singular de carros de rua.

A espinha dorsal do transporte da cidade é seu sistema extensivo do metrô, que liga a maioria dos subúrbios periféricos ao centro de cidade.

O que significa que dentro de Toronto, os veículos pessoais foram relegados para um status de luxo.

Além disso, pode valer a pena investir em uma bicicleta. O Council de Toronto fez um esforço especial para tornar a sua área interna amigável para ciclistas.

Morar em Vancouver

Consistentemente classificada como uma das cidades mais habitáveis ​​do mundo, os expatriados que querem morar em Vancouver descobrirão a estrela brilhante do Canadá.
Instalado pela primeira vez pelos europeus em 1860, Vancouver tornou-se uma das cidades de crescimento mais rápido do século XXI.
Em grande parte por causa de seus laços estratégicos com as economias crescentes do Leste Asiático.
Apesar de toda a agitação que normalmente vem anexado a centros comerciais, no entanto, a metrópole costeira é calma e educada.

Os moradores, muitas vezes, comentam que são as montanhas cobertas de neve, florestas exuberantes e clima ameno que tornam Vancouver tão agradável.

A cidade preenche uma grande península, que é cercada por água em três lados.

As zonas verdes e os parques urbanos oferecem aos moradores de Vancouver uma abundância de espaço ao ar livre para aproveitar, e as épicas vistas da serra circundante da North Shore Mountain são sempre de tirar o fôlego.

Quem quer morar em Vancouver vai encontrar uma cidade movimentada com uma mistura de culturas.

Enquanto falantes de inglês representam o maior grupo de línguas, francês, chinês, vietnamita, alemão, taiwan e Punjabi são regularmente ouvidos.

O impacto dos expatriados chineses é claramente visível no Ano Novo chinês colorido, o festival do barco do dragão e noite de Chinatown, que são eventos bem atendidos anualmente.

Ainda assim, nem tudo é perfeito em Vancouver.

Custo de vida em Vancouver

Pensando no custo de vida no Canadá, o custo de vida em Vancouver é particularmente inflado pelo custo exorbitante da acomodação.

As rendas médias são altas e a demanda está cada vez mais ofuscando a oferta na área de Vancouver. Isso torna a busca de casas mais desafiadora do que nunca.

Dito isso, ao encontrar uma casa em Vancouver, você pode começar a desfrutar do estilo de vida ao ar livre que os residentes regularmente priorizar. Passar o verão de barco, caiaque, natação e surf ao longo das praias e vias navegáveis ​​da Ilha de Vancouver e Burrard Inlet.

Caminhadas e mountain bike também são atividades populares nos inúmeros parques da cidade, florestas e montanhas locais.

Além disso, Vancouver é uma das capitais de alimentos do mundo, ostentando muitas experiências de jantar de alta qualidade.

Com tantas tradições culinárias para aproveitar, comer fora em Vancouver é um assunto variado e relativamente barato.

A cidade é obcecada com seus restaurantes, e os locals fazem um hábito regular de tentar locais novos ao vinho e ao jantar.

A área de Granville é famosa por seus restaurantes, galerias de arte e mercados.

Dê um passeio pela 10th Avenue ou Broadway para encontrar opções de compras que correspondem a qualquer destino de classe mundial.

Tudo isso está a poucos passos das melhores praias da cidade.

Vancouver tem um eficiente sistema de transporte que consiste de ônibus, ferries e o SkyTrain.

Os moradores da cidade tomam uma atitude relaxada para viver.

A taxa de criminalidade em Vancouver é baixa pelos padrões globais.

Uma desvantagem possível é a vida noturna decididamente discreta que os frequentadores de festas podem ficar frustrados.

Apesar de tudo, a maioria dos expatriados relatam que viver em Vancouver é excelente.

Um Pouco Mais de Quebéc

Abaixo você pode conferir um Guia de Habitação para morar em Quebec.

Definir onde morar é um eixo fundamental no seu projeto de imigração.

Cada cidade da província de Quebéc, e cada bairro dessas cidades, oferece opções para os diferentes estilos de vida e configurações familiares.

Por isso, é importante pesquisar qual desses lugares poderá oferecer a vida que você e sua família desejam viver.

Pra te ajudar, aqui abaixo está um resumo de cada um dos principais lugares do Quebéc. 

Você encontrará dicas práticas dos principais pontos a levar em consideração ao procurar uma casa para alugar ou comprar.

As dicas te ajudarão a não esquecer de nenhum detalhe para que sua nova casa possa ser chamada de lar.

 

custo de vida no canadá

 

 

Já com os Guias de Imigração e Integração à província de Quebec, você terá toda a informação que precisa para iniciar e colocar em prática seu projeto de uma nova vida no Canadá de forma organizada e planejada. Confira:

  1. Guia de Imigração: avalie o seu perfil e decidir qual o melhor programa de imigração para você.
  2. Guia de Habitação: visão sobre as opções de onde morar de acordo com seu estilo de vida e necessidades.
  3. Guia de Integração e Estilo de Vida: panorama dos principais hábitos culturais do Quebéc. Veja dicas de como se integrar na sociedade e mercado de trabalho quebequenses.
  4. Guia para o Meu Projeto de Imigração: você terá um documento para preencher com o seu projeto individual de imigração. Assim você saberá exatamente os próximos passos a dar e quais já foram dados.

 

custo de vida no canadá

 

Outros Posts

Além desse artigo sobre o custo de vida no Canadá, se quiser saber mais sobre outros países que tal visitar os seguintes posts abaixo?

  1. Seção “Comece Aqui”
  2. Tudo Sobre Morar na Austrália – O Guia Definitivo 
  3. Aplicando para o Visto Americano de Trabalho 
  4. Qual é o Custo de Vida em Portugal? 
  5. Dicas para Trabalhar em Dubai
  6. Esse Artigo Fará Você Trabalhar no Exterior em 2017!
  7. Trabalhar no Canadá para Brasileiros: País Facilita os Processos para Contratação de Talentos Estrangeiros
  8. Países que Oferecem Visto de Trabalho para Brasileiros Fora da sua Profissão
  9. 9 Cidades Americanas que Pagarão para Você Viver Lá
  10. Como Tirar a Dupla Cidadania Portuguesa
  11. Dicas para Tirar Dupla Cidadania Italiana e Dupla Cidadania Portuguesa

Até o próximo post,

Paulo Roberto

Resumo
Data do review
Reviewed Item
→ Qual é o Custo de Vida no Canadá? Como Morar no Canadá?
Author Rating
51star1star1star1star1star

Comentários

comments

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
error: Conteúdo protegido!